BLOG VENDA DIRETA

As pessoas e comunidades avançam e evoluem com o tempo, e é tarefa do negócio adaptar-se a essa evolução. Atualmente venda direta está passando por um período em que cara a cara confrontados com a necessidade de se adaptar às tendências digitais que emolduram nossa vida diria, e é essencial para superar o desafio de como se aventurar em modelos inovadores, sem perder a essência que caracteriza para esta indústria, que é o ingrediente pessoal, a venda consultiva e a abordagem um-para-um.

As pessoas e comunidades avançam e evoluem com o tempo, e é tarefa do negócio adaptar-se a essa evolução. Atualmente venda direta está passando por um período em que cara a cara confrontados com a necessidade de se adaptar às tendências digitais que emolduram nossa vida diria, e é essencial para superar o desafio de como se aventurar em modelos inovadores, sem perder a essência que caracteriza para esta indústria, que é o ingrediente pessoal, a venda consultiva e a abordagem um-para-um.

venda direta de comércio eletrônico

A internet e a digitalização são ferramentas que podem alavancar as vendas diretas, pois permitem alcançar as novas gerações que buscam diferentes alternativas de renda, a massa do escopo e a velocidade de compra e entrega, que é o que o os consumidores de hoje. Isso é importante, porque nenhuma indústria pode ser estranha às necessidades e preferências de seus clientes, porque isso levaria ao fracasso.

O modelo de E-commerce para Venda Direta assume especial relevância nesse contexto, pois contempla a necessidade de as empresas de Venda Direta terem um relacionamento mais próximo com os clientes de seus clientes, através de e-commerce, catálogos digitais. , os influenciadores e a possibilidade de receber pedidos diretamente do cliente final através de sites replicados, preservando a importância dos consultores da empresa.

O que se procura com este modelo é que as empresas possam ter um perfil e conhecimento de seus clientes finais, não olhando para ser uma competição para a rede de vendas, mas um complemento para o seu negócio. Isso é conseguido com foco em perfis psicodemográficos diferentes dos atuais e tradicionais clientes de vendas diretas. Alguns consultores terão interesse em trabalhar com os dois modelos, já que parte da venda é feita através do modelo tradicional e outra parte pode ser feita através do site replicado, vendendo para o cliente final. Isso faz com que o negócio final cresça, porque tira proveito da rede histórica natural de vendas, além da rede de contatos da rede social.

Mas qual é realmente a diferença entre o modelo tradicional e o modelo de comércio eletrônico para Venda Direta?

Venda Direta Tradicional:

  • Distribuidores têm uma idade maior e usam tecnologia de média baixa
  • O modelo de negócio é limitado pela capacidade logística dos representantes
  • A oferta aos clientes é feita através do catálogo, telefone ou visita
  • Os distribuidores fazem pedidos à empresa
  • Os distribuidores são responsáveis ​​pela entrega e coleta

Venda Direta E-commerce:

  • Os distribuidores têm uma idade menor e usam tecnologia de média alta
  • O modelo de negócio é catapultado pela rede de contatos e sua motivação para promovê-los
  • Os clientes finais compram através do site replicado dos distribuidores, tornando-os influenciadores e consultores digitais.
  • A empresa é responsável pela entrega e coleta

Este modelo também é alavancado pela presença de Influenciadores digitais que permitem a expansão dos negócios. Existem diferentes perfis de influenciadores, por um lado, há aqueles que se concentram na venda e, por outro lado, há aqueles que se concentram em programas de referência ou líderes. Esses influenciadores devem ter um modelo de incentivos e ferramentas de gestão que permitam uma gestão adequada e uma expansão sustentável do negócio.

O software S4DS possui todas as ferramentas necessárias para operar este modelo. Estes incluem os sites replicados para consultores, uma gestão completa do sistema E-commerce, gestão de chumbo, indicadores de acompanhamento do plano de compensação, metas de gestão, sistema de e-learning, autoresponders, entre outros que permitem negócios e O modelo cresce de forma organizada e estruturada, alcançando um importante crescimento exponencial.

O E-commerce na Venda Direta é um modelo que acaba de entrar, passo a passo, na América Latina; no entanto, em mercados como os Estados Unidos e a Europa, é um modelo consolidado que atende às necessidades dos consumidores atuais. Temos um grande desafio pela frente, como indústria e como região, e não podemos ficar para trás diante das tendências globais e do comportamento dos consumidores das novas gerações.


EMAIL

sales@s4ds.com

TELEFONE

(415) 692-5515